Em 20 anos, a produção de plástico duplicou e apenas 9% é reciclado

Relatório da OCDE revela dados recentes e preocupantes.
OCDE relatório plástico

Partilhar

Em jeito de antecipação à Assembleia das Nações Unidas para o Meio Ambiente (UNEA 5.2), a OCDE publicou um relatório que traça um cenário global da evolução do plástico nos últimos 20 anos. No documento intitulado “Perspetiva global dos plásticos: Fatores económicos, impactos ambientais e opções políticas” destacam-se dois dados importantes (e preocupantes): em duas décadas, a produção de plástico duplicou e apenas 9% é reciclado. 

De acordo com os dados partilhados, o plástico descartado aumentou paralelamente ao crescimento da própria população e o volume de produção ultrapassou o crescimento económico em quase 40%. À falta de medidas mais restritas, a publicação deste relatório imediatamente antes do início da Assembleia da ONU pode ajudar à pressão pública para que sejam definidas soluções comuns.

Quase metade dos resíduos são gerados nos países da OCDE

Da OCDE fazem parte 38 países com um propósito comum, estimular o desenvolvimento económico mundial. Neste relatório, é perceptível que a produção massiva do plástico tem consequências – e 40% dessa produção é responsabilidade desses países. 

Em apenas um ano, entre 2019 e 2020, o volume anual de plástico passou de 234 milhões de toneladas para 460 milhões de toneladas. No entanto, o principal problema é a má gestão dos resíduos.

Para que efetivamente seja definido um plano global para solucionar o problema da poluição por plástico, a Assembleia da ONU interrompida há um ano será retomada entre 28 de fevereiro e 2 de março. 

Artigos recentes

“Um dia para mudar os próximos”

Lisboa acolheu a National Geographic Summit 2022 para refletir sobre o “planeta possível”, com base na coexistência sustentável entre humanos e natureza.

Comentários

0 Comments

Faça um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Pin It on Pinterest