Sonae Tech Hub é um dos edifícios dos mais sustentáveis do mundo

Edifício do Sonae Campus, na Maia, foi certificado como o mais sustentável em Portugal.

O novo edifício do Sonae Campus, na Maia, foi considerado o mais sustentável em Portugal e um dos 100 mais energeticamente eficientes do mundo. A certificação LEED – Leadership in Energy and Environmental Design, atribuída às construções mais sustentáveis, é uma referência mundial desde 1998. O Sonae Tech Hub obteve uma pontuação total de 89 pontos nos critérios que servem de avaliação para a distinção, a mais alta de sempre para um edifício nacional.

Conheça o edifício:

Para a Sonae, esta certificação é uma forma de reconhecer a ambição da multinacional em construir um edifício sustentável e “com as melhores condições para as pessoas”, promovendo “a proximidade, a colaboração e a partilha de conhecimento” entre as várias equipas que coabitam o edifício, segundo se pode ler num comunicado enviado à imprensa.

. Reaproveitamento ou reciclagem de 95% dos resíduos de construção;
. Redução de 50% dos consumos totais de água potável e 40% dos consumos de eletricidade;

Tech Hub é o 4º edifício Sonae com certificação LEED

Há mais de uma década que a Sonae tem apostado na construção de edifícios energeticamente eficientes. O Sonae Maia Business Centre foi o primeiro edifício da Península Ibérica a obter a certificação LEED Gold, em 2010, com uma pontuação “excecional”.

A loja Continente Bom Dia de São João da Foz, no Porto, recebeu a distinção LEED em 2013 e mais recentemente, em 2017, também o Continente de Matosinhos recebeu a mesma certificação, após as obras de remodelação, sendo considerado, segundo a certificação LEED, o hipermercado mais verde do mundo.