Pagaria 500 euros por um saco de plástico comum?

Chama-se Granel e é “o último grito” da moda sustentável.
Granel saco de plástico 500 euros Bolselea

Partilhar

Chama-se Granel e é “o último grito” da moda sustentável – ou, pelo menos, a campanha de promoção deste saco assim o dá a entender. Criado pela Bolsalea, uma empresa espanhola dedicada à produção de embalagens amigas do ambiente, o saco de plástico Granel é, basicamente, um saco comum vendido com artigo de luxo: custa 499 euros e está disponível para venda no website da marca

A ideia, comunicada com ironia, destaca o saco como acessório de moda, numa produção ao nível das marcas de grife. Acaba por ser uma chamada de atenção à cultura do descartável: 

Graças à resistência dos seus materiais, é reutilizável até 500 usos antes de ser depositado no contentor amarelo

Em que mundo queremos viver?

No manifesto da marca, questiona-se o verdadeiro valor dos produtos que usamos nomeadamente de um simples saco – um saco básico, de plástico, do supermercado, não é muito diferente de um mesmo saco de plástico da coleção de uma marca de luxo, exceto no preço (que pode, no caso da marca, chegar aos milhares de euros). Fará sentido? 

Essa forma de valorizar as coisas é sustentável? Por que não reutilizamos o que pode ser reutilizado? É o preço de um produto o que realmente nos custa? O que isso custa ao planeta? Devemos analisar o mundo em que vivemos para nos fazermos a pergunta mais importante de todas: em que mundo queremos viver?

Bolsalea, manifesto Granel

Artigos recentes

Comentários

0 Comments

Faça um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pin It on Pinterest