Portugueses utilizam mais ‘marmita’, comem menos carne e mais alimentos biológicos

As principais conclusões do III Grande Inquérito Nacional de Sustentabilidade Missão Continente/ICS-ULisboa.
III Grande Inquérito sobre Sustentabilidade Continente

Partilhar

O que pensam os portugueses sobre a sustentabilidade? O que mudou nos hábitos de consumo no período pós-pandemia? No III Grande Inquérito Nacional de Sustentabilidade, a Missão Continente e o ICS-ULisboa deram continuidade aos dois inquéritos anteriores, feitos em 2016 e em 2019, com o mesmo propósito, de perceber melhor as alterações da sociedade e o impacto destas mudanças na sustentabilidade do planeta.

De uma maneira geral, quando questionados sobre a ideia que têm de sustentabilidade, os portugueses fazem uma associação generalizada ao ambiente ou a ações relacionadas com a proteção ambiental. Além disso, a reciclagem, a conservação e gestão eficiente dos recursos são também ideias ligadas à noção de sustentabilidade. 

III Grande Inquérito sobre Sustentabilidade em Portugal

No que respeita a mudanças efetivas nos hábitos diários, os resultados do III Grande Inquérito Nacional de Sustentabilidade revelam que

III Grande Inquérito Nacional de Sustentabilidade

Comparando com os dados de 2018, o inquérito registou uma diminuição do consumo de carne e o aumento da importância das refeições de base vegetal que já ultrapassa as 2 refeições em média por semana. As mulheres consomem mais refeições à base de vegetais do que os homens e as pessoas com maior escolaridade e com rendimentos mais confortáveis tendem a ter hábitos de consumo mais saudáveis, ingerindo menos carnes com gorduras saturadas e preferindo as carnes brancas. 

Ainda em relação a hábitos que influenciam diretamente questões ambientais,

III Grande Inquérito Nacional de Sustentabilidade

Foram destacadas várias outras dimensões relacionadas com a sustentabilidade, práticas de consumo e como os portugueses adivinham o futuro do planeta. É possível, também concluir que

  • As questões ambientais são melhor conhecidas e consideradas mais importantes e preocupantes pelas pessoas que têm mais escolaridade, residentes em grandes cidades ou áreas metropolitanas e mais jovens.
  • Os portugueses estão muito preocupados com as desigualdades sociais e com o (dis)funcionamento das instituições públicas. 
  • Existe uma apreensão generalizada quanto ao futuro, quer do ponto de vista das condições de vida dos inquiridos, quer do futuro em termos ambientais.
III Grande Inquérito Nacional de Sustentabilidade

O III Grande Inquérito Nacional de Sustentabilidade, apoiado pela Missão Continente, resulta de um questionário feito a uma amostra estatisticamente representativa dos portugueses com idade igual ou superior a 18 anos sobre temas como sustentabilidade ambiental, as dimensões do bem-estar, práticas de consumo e estilos de vida e expectativas para o futuro do país. 

Aceda aqui ao relatório executivo completo.

Reveja o evento de apresentação dos resultados:

Artigos recentes

Comentários

0 Comments

Faça um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Pin It on Pinterest