Micróbios estão a tornar-se capazes de ‘comer’ plástico

Segundo estudo, fenómeno é consequência da poluição.
Microorganismos

Partilhar

Segundo um estudo sueco, há micróbios que estão a conseguir digerir vários tipos de plástico, consequência da adaptação ao fundo dos oceanos e aos solos. 

No resumo do estudo, publicado pela revista científica Microbial Ecology e disponível online, a biodegradação é apresentada como caminho plausível para gerir de forma sustentável os milhões de toneladas que se acumulam por todo o planeta. Por essa razão, e apesar de as enzimas responsáveis pelo processo de degradação do plástico ainda não terem sido totalmente exploradas, a descoberta tem sido notícia em todo o mundo. 

Se considerarmos que o tempo natural de degradação de uma garrafa PET no ambiente varia entre os 16 e os 48 anos, a “ajuda” microbiana poderá acelerar o processo. Nas experiências feitas para este estudo, um em cada quatro microorganismos testados continha uma enzima capaz de decompor plástico. Foram identificadas 30 enzimas diferentes com a capacidade de atuar sobre 10 tipos diferentes de plástico.

Efeitos da poluição

Os investigadores da Universidade de Tecnologia de Chalmers, responsáveis pelo estudo, deixam um alerta. Em comunicado, explicam que o fenómeno é “uma demonstração significativa de como o ambiente está a responder às pressões que estamos a exercer sobre ele”. Ou seja, se a poluição não fosse evidente, os microorganismos não teriam a necessidade de se adaptar ao meio.

O próximo passo será “testar as enzimas mais promissoras em laboratório para investigar de perto as suas propriedades e a taxa de degradação do plástico que podem alcançar”, lê-se no mesmo comunicado. Criar condições para que comunidades microbianas decomponham determinados tipos de plástico será uma das principais vantagens deste método natural. Futuramente, as enzimas poderão, por exemplo, ser integradas no processo industrial de reciclagem.  

Já em março deste ano, um grupo de investigadores alemães do Centro Helmholtz de Investigação Ambiental – UFZ, de Leipzig identificou microorganismos capazes de digerir pequenas partículas de plástico.

Artigos recentes

Comentários

0 Comments

Faça um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Pin It on Pinterest