Halloween assustador? Só se não reutilizar

Dicas para criar decorações sustentáveis.

O Halloween veio para ficar. A tradição, importada do mundo anglo-saxónico, foi adaptada pelos europeus para que, em véspera do feriado dedicado a Todos os Santos católicos, a noite se vista de negro e se prolongue até à manhã seguinte. Por todo o país, há atividades para os mais novos e festas temáticas para os noctívagos. Também as escolas adotaram a ocasião para proporcionarem um dia diferente aos miúdos.

Em todos os eventos, a decoração passa por abóboras, morcegos, fantasmas e… muito plástico. Para que o Halloween não se transforme numa celebração verdadeiramente “negra”, partilhamos algumas dicas para organizar uma festa sem desperdícios e utilizando materiais reciclados na decoração.

  • Com laranjas ou tangerinas e uma caneta de tinta permanente, pode conseguir um “2 em 1”: decoração (substitui perfeitamente as abóboras) e lanche saudável.
  • Continuando na onda das abóboras assustadoras, pode aproveitar as latinhas das salsichas, por exemplo, para fazer suportes para velas. Com a ajuda de um prego e de um martelo, fure cuidadosamente o contorno de uns olhos e de uma boca para que a luz da vela saia. Se quiser dar-lhe um toque de criatividade, pinte a lata com as tradicionais cores de Halloween: laranja, preto ou roxo.
Imagem: NCLAC
  • Ainda aproveitando as latas de conservas, pode fazer uma espécie de “bowling de mesa” alusivo ao Halloween. Basta pintar expressões assustadoras nas latas de salsichas e arranjar uma bola para as derrubar. Simples e divertido. Pode seguir todos os passos e sugestões neste site.
  • Enquanto a reciclagem das cápsulas de café continua a ser um processo difícil, encontramos uma maneira criativa de as reutilizar para as decorações de Halloween. Separe as cápsulas que conseguir, pegue em folhas de papel branco e cartolina preta (ou recicle cartão e pinte-o de preto) e com a ajuda de tesoura, caneta, cola e de um fio ou corda… transforme-as em pequenos morcegos para pendurar pela casa.
Imagem e ideia no link UnComo

Como? Comece por limpar as cápsulas retirando toda a borra de café que tiverem. Esmague-as com o pé para que fiquem achatadas e prontas a servir de base à decoração.

Passemos para as asas dos morcegos: desenhe as asas em cartolina preta (ou no tal cartão pintado), corte-as pela forma e cole-as na parte de trás da cápsula. O papel branco servirá para desenhar os olhos, boca e nariz do ‘morcego-cápsula’, mas é só uma sugestão que poderá adaptar conforme lhe apetecer (na foto, por ex., o nariz é vermelho). Aproveite revistas antigas para conseguir papel colorido. Para que possa pendurar os ´pequenos morcegos’, faça um pequeno furo junto ao contorno da cápsula onde deverá passar fio ou corda.

  • Das garrafas de água aos recipientes dos detergentes e do champô, não há limites para imaginar e dar forma a estes monstrinhos feitos com plástico reciclado. Partilhamos algumas inspirações porque, para os fazer, não é preciso grandes instruções: basta tinta, canetas e um x-ato ou tesoura.

Ou simplesmente tire os rótulos das garrafinhas dos iogurtes líquidos e desenhe-lhe uma expressão ‘assustadora’. Os miúdos vão adorar.

Imagem: UnComo

Importante é que se divirtam em família sem prejudicar o Ambiente. Bom Halloween!