E se o lixo de plástico se transformasse em energia?

Waste2Tricity promete transformar lixo de plástico em combustível e eletricidade.

Investigadores da universidade inglesa de Chester chegaram a uma fórmula que permite transformar qualquer resíduo de plástico em energia. O processo de reciclagem, desenvolvido em parceria com uma empresa local, baseia-se na conversão térmica do plástico.

Explicado de forma simples, o plástico é “derretido” até se transformar em vapor. Esse vapor comporta-se como uma espécie de gás natural que pode ser utilizado na produção de energia sem que haja qualquer tipo de desperdício. Permite também a produção de hidrogénio para ser utilizado em veículos, por exemplo.

O Waste2Tricity (nome do projeto) começou em 2008 e conta com o apoio de várias entidades no Reino Unido. Com potencial para ser aplicado em grande escala, pode ser uma solução para os grandes aterros do sudeste asiático e, por isso, o governo do Japão atribuiu recentemente uma verba para o desenvolvimento desta tecnologia e aplicação na produção de hidrogénio (não esquecer que marcas nipónicas como a Toyota têm apostado em motores elétricos e a hidrogénio nos seus modelos de automóveis).

O Waste2Tricity explicado à BBC para o documentário “War on Plastic”:

Poderá o plástico reciclado ser uma solução para a substituição dos combustíveis fósseis? Para acompanhar num futuro próximo.